Dicas para a boa prática esportiva


Canal: Esportes

A flexibilidade é uma qualidade física integrante da aptidão física para a saúde e para o auto-rendimento, sendo importante tanto para o atleta como para o sedentário. - (WERLANG, 1997).

No indivíduo sadio a amplitude articular é influenciada pêlos ligamentos, comprimento dos músculos e tendões, e tecidos moles. Já em pessoas com problemas patológicos, as limitações podem ser agravadas por processos inflamatórios. - (WERLANG, 1997).

O bom nível de flexibilidade varia de acordo com a necessidade de cada um, logo, a boa flexibilidade é aquela que permite ao indivíduo realizar os movimentos articulares, dentro da amplitude necessária durante a execução de suas atividades diárias, sem grandes dificuldades e lesões.

No surf necessitamos de estar com uma boa flexibilidade para que no momento das manobras, os músculos estejam preparados. O surf é um esporte que propicia o atleta adquirir lesões, onde em muitos momentos, expõe a sua musculatura em amplitude máxima de movimentos, exigindo ao máximo dos músculos e tendões.

Ao longo dos anos, um surfista pode apresentar problemas na lombar, ombros, joelhos, na coluna cervical (região do pescoço), cotovelo e quadril. Isto acontece devido as posturas lesivas que o esporte exige como, por exemplo, remar deitado de barriga para baixo na prancha, onde sobrecarrega a lombar, a cervical, os ombros e os cotovelos.

Além disso, outro fator importante que causa lesões é a falta de manutenção dos músculos através de um adequado aquecimento antes de surfar. Para que fique claro, aquecimento não é a mesma coisa que alongamento. O aquecimento é composto por exercícios dinâmicos, que tem o objetivo de esquentar os músculos, onde se sustenta no máximo 6 segundos em cada exercício. O alongamento é o exercício ou manobra terapêutica que tem por objetivo alongar (esticar) estruturas de tecido mole, e, portanto, aumentar a amplitude de movimentos.

Geralmente o atleta sustenta de 10 a 30 segundos no mesmo exercício. Para o surf, o ideal é fazer um aquecimento, o alongamento relaxa a musculatura dificultando que a mesma esteja pronta para um movimento de explosão como, por exemplo, o drop.

A flexibilidade é treinada através de exercícios de alongamento. A melhora da flexibilidade é atingida com o treinamento regular de exercícios de alongamento, que consistem em favorecer toda a amplitude de movimento de uma articulação, dita normal, atuando sobre a elasticidade muscular, principalmente.

Quando a amplitude excede o normal, o estímulo atua não só sobre a elasticidade muscular como a mobilidade das articulações. Podemos dizer que flexibilidade é considerada a qualidade física e o alongamento a maneira para desenvolver esta qualidade.

Desta forma, podemos entender que não é indicado treinar a flexibilidade antes de surfar, o ideal é fazer um treino a parte, específico para a flexibilidade.


Fábio Sandes PalmeiraDomínio Corporal - Treinamento & Aventura
Instituto Domínio Corporal


Fonte: Ondaon

Copyright © 2010 ForteFarma. Todos os direitos reservados.